sábado, 4 de dezembro de 2010

BONDADE

Recebemos um livro da Espanha: José Saramago em suas palavras. A edição e seleção é de Fernando Gómez Aguilera. O autor do livro selecionou o que Saramago disse sobre vários temas, na imprensa e em alguns livros de entrevista, inclusive O Amor Possível, do Juan Arias, meu marido, editado no Brasil pela Manati. O efeito é belo e há uma grande coerência em seu pensamento, ele nunca se contradiz ao longo dos anos. Mas , há uma frase, que me tocou alucinadamente, por ser exatamente o que penso:
"O único valor que considero revolucionário é a bondade, que é o único que conta". in Baleares, Palma de mallorca, 20 de abril de 1994.

Parem o mundo e pensem sobre a bondade.

4 comentários:

  1. Roseana: maravilhoso Saramago,agoa na LUZ. Obrigada por compartilhar conosco Roseana,essa verdade: sem bondade não somos humanos.Beijos tentandoserbondosostodososdias.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia querida Roseana, Bondade,Honestidade,e Respeito três palavras poderosas e imprescindíveis na minha opinião para os bons relacionamentos e um convívio social de sucesso.
    Estou caminhando,estou elaborando o estatuto da OSCIP e acredito que na próxima semana ele já estará definido. Assim que finalizar levo pra ouvir a sua opinião . Um ótimo fim de semana,um grande abraço,Telma.

    ResponderExcluir
  3. Há um pedido dele registrado neste livro, muito particular, que me tocou pela singeleza: "Se eu tivesse de ser lembrado por algo, gostaria que se lembrassem de mim como o criador do cão das lágrimas"...
    Esta passagem do livro tocou-me tanto que, ao assistir ao filme, exclamei alto "o cão das lágrimas!" E fiquei pensando no que eu imaginara; no cãezinhos que já tive; e no quanto são 'bons' conosco os animais.

    ResponderExcluir
  4. Sim, nossos bichinhos nos ensinam tanto!

    ResponderExcluir